Cultura de Bolso

3 mar

Ceará já teve mais de 3 mil descargas atmosféricas em um mês; confira os principais cuidados

A incidência de raios, bem como as inundações causadas pelas chuvas no Ceará são as maiores responsáveis pelas ocorrências registradas na Defesa Civil e na Companhia Energética do Ceará (Coelce) durante o período chuvoso. De acordo com a Coelce, em janeiro deste ano foram registradas 3.100 descargas atmosféricas (raios).

O número de raios registrados no primeiro mês de 2012 ainda é 31% menor se comparado ao mesmo período de 2011, quando o sistema de monitoramento da Companhia registrou 4.513 incidências. A cidade de Granja, localizada a 345 quilômetros de Fortaleza, registrou a maior quantidade de raios, com 288. Em seguida, vem Viçosa, com 170, e Camocim, com 97. Fortaleza contou apenas com 19 descargas durante o mês. O Ceará é um dos estados do Nordeste com maior incidência de raios, com cerca de 290 mil por ano.

Prevenções

De acordo com a Coelce, é preciso que a população fique atenta e se previna para eventuais acidentes causados pelas chuvas. De acordo com a Companhia, é importante manter as instalações elétricas em boas condições na parte interna da residência, prevenir goteiras, pois a água é um bom condutor de eletricidade. Outra dica é evitar falar ao telefone durante temporais com raios. É preferível utilizar telefones sem fio ou aparelhos de celular.

Os aparelhos eletroeletrônicos, como televisão, computador, som e outros devem ser retirados da tomada, mas, para isso, é recomendado usar calçados de borracha. De acordo com Eduardo Gomes, responsável pela Operação de Média e Alta Tensão da Coelce, “se ocorrer algum curto-circuito, a pessoa deve desligar o fornecimento de energia (registro) da unidade de consumo imediatamente”, alerta.

O coordenador Geral da Defesa Civil, Alísio Santiago, afirma que antes do período de chuvas ou durante o intervalo – quando estiver fazendo sol – é importante realizar a troca das telhas da casa para evitar goteiras e infiltrações. “Essas precauções devem ser feitas apenas em dias de sol, para evitar escorregões e ser atingidos por raios”, explica o coordenador.

Outras recomendações

– Não manusear equipamentos elétricos na chuva;
– Desligar circuitos que ficam em jardins, como postes de iluminação e tomadas, em dias de muita incidência de chuva;
– Só instalar, desligar ou remover antenas se o tempo estiver bom. Se sua antena cair sobre ou próximo à rede, não tente segurá-la ou recuperá-la;
– Não ficar em áreas descampadas;
– Evitar o uso de chuveiros ou torneira elétrica;
– Se tiver incidência de raios e muito vento, é recomendado desligar os aparelhos elétricos;
– Verificar as condições estruturais das caixas d’água;
– Permanecer dentro de casa durante a tempestade.

Em caso de acidentes com a rede elétrica, é importante agir de maneira correta. Não se deve tocar na vítima caso ela continue em contato com a superfície energizada. Deve-se, imediatamente, desligar o disjuntor e ligar para a Coelce por meio do número 0800-285-0196.

Diário do Nordeste por Kellyanne Pinheiro

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: